terça-feira, 17 de setembro de 2013

SÃO SINAIS DO FIM ; Mais Uma Família é encontrada morta sem sinais de agressão em Ferraz de Vasconcelos

Os homens desmaiarão de terror, apreensivos com o que estará sobrevindo ao mundo;  (Lucas 21:26).

Estes casos e inúmeros outros a mídia não intende e fica tentando colocar  respostas para cada um deles , quando acaba um  já vem outros já esqueceram do garoto Marcelo  nada justifica uma pessoas tira sua vida e a dos outros por causa de  problemas ,o que esta acontecendo com o mundo são sinais da volta jesus e só quem ler a bíblia e crê  intende  o resto e conversa fiada 
Irm; zizi

          
Delegado Eduardo Boigues Queiroz mostra jarra de suco e bolo encontrados dentro de apartamento onde uma auxiliar de enfermagem e seus quatro filhos foram encontrados mortos, em Ferraz de Vasconcelos (Grande SP)

Delegado Eduardo Boigues Queiroz mostra jarra de suco e bolo encontrados dentro de apartamento onde uma auxiliar de enfermagem e seus quatro filhos foram encontrados mortos, em Ferraz de Vasconcelos (Grande SP) Cinco integrantes de uma família foram encontrados mortos na madrugada desta terça-feira (17) em Ferraz de Vasconcelos, região metropolitana de São Paulo, informa a Polícia Militar.
De acordo com a polícia, a auxiliar de enfermagem Dina Vieira Lopes da Silva, 43, e quatro filhos -- um menino e três meninas --, foram encontrados mortos sem sinal de agressão física na residência.
Muitas fezes e vômito foram encontrados espalhados pelo chão do apartamento.

A Polícia Civil trabalha com a hipótese de envenenamento.
A PM disse que não tem informações sobre o paradeiro do pai.
Médicos do Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) chegaram ao local, na rua Massato Sakai, 180, por meio de uma denúncia anônima.

Uma equipe da Polícia Civil foi enviada ao local para investigar a ocorrência


               
Carros da polícia ficam estacionados fora do condomínio onde uma família foi encontrada morta em Ferraz de Vasconcelos (45 km de São Paulo), na madrugada desta terça-feira (17). Segundo a polícia, os membros da família - três crianças, uma adolescente e a mãe - foram encontradas pelo padrasto. A perícia suspeita que a causa da morte seja envenenamento
 
 
UOL

Nenhum comentário: