domingo, 15 de janeiro de 2017

Polícia Mortes em Alcaçuz podem superar a quantidade presos assassinados em 2016



POR

REDAÇÃO

  JANEIRO 15, 2017  0

Compartilhe esse conteúdo

 

 

Informações preliminares sobre a rebelião ocorrida no Presídio Estadual de Alcaçuz, em Nísia Floresta, que foi deflagrada durante o sábado, dia 14, dão conta que 30 presos morreram no conflito. O Governo do Estado ainda não confirmou o total de mortos, pois ainda não realizou a contagem de apenados nos cinco pavilhões da unidade.

Até o presente momento, a soma próvisória dá conta de 10 detentos mortos. Caso o massacre ultrapasse o total de 30 pessoas assassinadas, já se pode afirmar que a quantidade de mortos superou o total casos registrados em todo o ano de 2016 nas 32 unidade prisionais do Rio Grande do Norte.

Em 2016, o número de presos assassinados nas unidades prisionais potiguares chegou a 31 casos. Em todo o Brasil, o número de mortes violentas nos presídios chegou a 392.


Nenhum comentário: