sábado, 3 de dezembro de 2016

Caixões de vítimas de acidente da Chapecoense são recebidos com honras

Caixões de vítimas de acidente da Chapecoense são recebidos com honras

Bruno Freitas
Do UOL, em Chapecó 03/12/2016 - 10h16 > Atualizada 03/12/2016 - 11h17

Os caixões com as vítimas da tragédia com o avião que levava a delegação da Chapecoense para Medellín foram recebidos com as mais altas honras militares na chegada a Chapecó. 

"Quando vejo essa chuva caindo aqui penso que é São Pedro chorando a morte dos jogadores", disse o presidente Michel Temer após receber os caixões no aeroporto. Ele ainda explicou que irá à Arena Condá. "Não poderia dizer que ia ao estádio ontem porque senão a segurança teria que revistar as pessoas que entram. Só comuniquei que vou lá agora, para facilitar a vida de todos". 

Um corredor com militares, todos em posição de sentido, foi formado com uma estrutura para que os corpos sejam desembarcados dos aviões. Tiros foram disparados para o alto assim que o primeiro caixão deixou o primeiro Hércules e a marcha fúnebre foi tocada. Assim que passar o último caixão, o procedimento será repetido. 

A cada um que passava, o presidente Michel Temer estende a mão em gesto de respeito. Uma tenda com autoridades - entre elas, o presidente - e outra com familiares recebem os corpos das vítimas. As famílias aplaudem a cada caixão que passa.

O presidente Temer entregará uma medalha a cada uma das famílias. Trata-se da medalha da ordem ao mérito esportivo. 

Agora os caixões seguem em caminhões em cortejo fúnebre até a Arena Condá, onde o velório coletivo

Nenhum comentário: