segunda-feira, 14 de novembro de 2016

Professores elegem Jerns 2016 como o melhor dos últimos anos

G1RN 

Constatação é dos próprios professores das escolas públicas e privadas. Competição, ao todo, reuniu mais de 49 mil participantes.

11/11/2016 15h30 - Atualizado em 11/11/2016 15h30

Competição reuniu 49 mil participantes em 25 modalidades (Foto: Fábio Pacheco/Assecom)

O Governo do Estado, por meio da Coordenadoria de Desporto (Codesp), da Secretaria de Estado da Educação e da Cultura (SEEC), acabou de realizar a melhor edição dos Jogos Escolares do Rio Grande do Norte (Jerns 2016) dos últimos anos. A constatação é dos próprios professores das escolas da rede de ensino público e privada do Estado, que elogiaram a organização do evento, desde a abertura que neste ano contou com um grande desfile e o retorno das torcidas, a informatização dos resultados e principalmente a volta do título de campeão geral, uma antiga reivindicação dos educadores.

Professor do Colégio Marista e coordenador do judô dos Jerns há 11 anos, Tibério Maribondo, destacou o novo formato da competição. "O retorno da disputa pelo título de campeão geral foi sem dúvida a grande atração dos Jerns. Esse novo formato mobilizou as escolas que enviaram suas torcidas aos ginásios. No judô, especialmente, tivemos ginásio lotado em todos os dias de disputa e os atletas empenharam-se ao máximo, pois voltaram a sentir o friozinho na barriga de ser campeão. Parabéns a Codesp pelo melhor Jerns dos últimos anos", disse Tibério, que também é presidente da Federação de Judô do Estado do Rio Grande do Norte (FJERN).

Gladson Soares, professor e técnico de natação do Complexo Educacional Contemporâneo, disse que a evolução dos Jerns serviu para mostrar o comprometimento do Governo do Estado com esporte escolar do Rio Grande do Norte. "Os profissionais que estão à frente da organização dos Jerns mostraram neste ano um comprometimento impressionante. A dedicação da Codesp contagiou professores, técnicos, atletas, diretores e hoje pode se afirmar que voltamos a ter uma grande competição escolar no Rio Grande do Norte", falou Gladson que aprovou a informatização rápida dos resultados, através do site da Codesp, além das medalhas. "A premiação foi de alto nivel, a medalha ficou muito bonita com aquela fita", completou o professor.

Competição reuniu 49 mil participantes em 25 modalidades (Foto: Fábio Pacheco/Assecom)

O interior do Estado também reconheceu a mudança. A coordenadora da regional de Pau dos Ferros, professora Maria das Neves, disse que o empenho da Codesp/SEEC foi fundamental para a participação das escolas da região. "Mesmo diante desta crise econômica, a Codesp e a SEEC fizeram de tudo para que nossa participação fosse viabilizada, fomos bem recepcionados na fase final em Natal com hospedagem, alimentação e transporte", comentou. O coordenador da regional de Mossoró, Roberto Silva, disse que o Jerns 2016 foi um evento sem falhas. "A equipe da Codesp está de parabéns, mostrou que é diferenciada pois mostrou organização, realizou uma competição sem falhas", frisou.

Os responsáveis pela organização dos Jerns são os professores Gileno Souto e Jorian Fontes, coordenadores da Codesp. "Quero agradecer as escolas privadas que cederam seus espaços esportivos, o Aeroclube de Natal, os IFRNs de todo estado, Arena Society e a Prefeitura de Goianinha que sediou o futebol de campo no estádio Nazarenão e alojou 500 atletas durante uma semana, e dizer que o Governo do Estado, a Codesp e a Secretaria Estadual de Educação e Cultura seguirão trabalhando para resgatar a força dos Jogos Escolares do Rio Grande do Norte. Conseguimos dar um grande passo na organização deste ano com a volta da motivação das escolas e atletas e esperamos repetir esse sucesso em 2017", revelou Gileno.

A competição de 2016 reuniu mais de 49 mil participantes entre alunos, atletas, técnicos e professores de 849 escolas estaduais, federais, municipais e particulares de todo o estado. Foram realizadas 13 etapas regionais que classificaram 12.600 atletas de 490 escolas para a fase final, em Natal, distribuídos em 25 modalidades esportivas, entre elas a inclusão do jiu-jitsu.

Nenhum comentário: