quarta-feira, 7 de janeiro de 2015

TECNOLOGIA: Bill Gates quer transformar fezes humanas em água potável


Omniprocessor pode ser a solução não só para o destino de resíduos humanos como para a limpeza de águas contaminadas

Americano afirma que a água é tão limpa quanto qualquer outra
Foto: Youtube / Reprodução

Em seu blog pessoal, Bill Gates - o magnata fundador da Microsoft - publicou que tomou um copo de água produzido a partir de uma pilha de fezes. E afirmou que esse é um negócio no qual ele pretende investir.
Na publicação, o americano afirma que a água é tão limpa quanto qualquer outra e que o plano é investir no uso de resíduos humanos para a produção de água potável em todo o mundo - principalmente em países pobres, que não possuem estações de tratamento.

Esse investimento da Fundação Gates - chamado de Omniprocessor - promete ser altamente sustentável também pela questão do baixo custo de energia para o processo.

Com esse processador de água da próxima geração, "resíduos de 100 mil pessoas poderão produzir até 86 mil litros de água potável por dia, usando cerca de 250 kw de eletricidade ao dia", afirma Gates.
O Omniprocessor pode ser a solução não só para o destino de resíduos humanos como para a limpeza de águas contaminadas. Se o negócio der certo, o número de beneficiados será imenso.

Pelo menos 2 bilhões de pessoas defecam em banheiros inadequados. Outros deixam suas fezes a céu aberto. Além disso, doenças causadas pela falta de saneamento mata cerca de 700 mil crianças a cada ano. 
Gates afirma que um projeto piloto está funcionando no Senegal e que novas máquinas devem ser produzidas em breve no mundo todo. Para finalizar, afirmou que esse investimento será "o maior exemplo para a velha expressão 'o lixo de um homem é o tesouro de outro'".

Portal Terra

Nenhum comentário: