segunda-feira, 12 de janeiro de 2015

Preços de material escolar podem até triplicar em Natal g1RN

Valores de produtos variam até 224% nas papelarias da capital potiguar.

Procon recomenda que pessoas pesquisem preços antes das compras.

Do G1 RN
Livrarias estão na expectativa de aumento das vendas (Foto: Adneison Severiano/G1 AM)Preços podem triplicar em estabelecimentos
(Foto: Adneison Severiano/G1 AM)
A diferença nos preços do material escolar vendido nas papelarias de Natal pode até triplicar dependendo do estabelecimento escolhido para as compras do início do ano letivo. O Procon Natal pesquisou os valores dos produtos em dez estabelecimentos da cidade e recomenda que as pessoas pesquisem antes de comprar. Veja a pesquisa completa AQUI.

Um dos exemplos citados pelo Procon Natal é o caso do esquadro plástico de 16 centímetros da marca Polibras , que apresenta diversos preços. O mesmo produto chega a uma diferença de 224%, chegando a custar R$ 1,62 (maior preço) e R$ 0,50 (menor preço) em estabelecimentos diferentes.

O Procon Natal ainda cita uma diferença de 183,93% na cola branca da marca Bic e de 151,98% no lápis de cera da Faber Castell.

Além da pesquisa, o Procon aconselha as pessoas a procurar as melhores condições de pagamento e os descontos, observando a qualidade dos produtos e procurando comprar material com selo do Instituto Nacional de Metrologia, Normalização e Qualidade Industrial (Inmetro).

A pesquisa foi realizada entre os dias 29 de dezembro e 5 de janeiro, e coletou preços de 26 itens de papelaria

Nenhum comentário: